19 de setembro de 2010

O melhor de mim e o exercício de olhar pra dentro.

Difícil escrever sobre o que há de melhor em mim. Mais fácil pensar naquilo que eu gostaria que fosse melhor ou diferente. Mais fácil escrever o que alguém que amo tem de melhor. E aí, chego ao ponto crucial de minha dificuldade: o amor a mim mesma. Para enxergar o que tenho de melhor, necessito lançar sobre mim um olhar amoroso. 
Se amorosamente me olho, percebo que os defeitos que tanto saltam aos meus olhos, vão ficando em segundo plano. E então consigo perceber...

Uma menina nascida de pais que nunca amaram-se ou entenderam-se, conseguiu amar, ser amada e ser feliz com o companheiro escolhido, mesmo não tendo acertado logo na primeira tentativa.
Uma menina que cresceu ouvindo o quanto ela era "enjoada" e inconveniente, conseguiu perceber que poderia ter amigos, ser amiga da melhor qualidade, ser espirituosa, rir e fazer rir!
Aquela que não foi cuidada ou protegida, aprendeu a cuidar de sí mesma, da sua vida e tem se saido muito bem!

A capacidade de enxergar em nós mesmos o que temos de bom é um exercício diário, contínuo e que deveríamos aprender muito cedo. Mas nem sempre é assim que acontece. Mas é necessário iniciar o treino, olhar a sí mesmo nos olhos e descobrir-se. É libertador!
Ah, mas eu sei o que tenho de melhor... Eu nunca desisto!
E você? Já sabe o que tem de melhor?

Esta música é pra mim, celebrando o reconhecimento do que tenho de melhor! 
Obrigada, Elaine!

25 comentários:

Vem desfrutar do Amor de Deus disse...

Ivana,
O seu texto me fez refletir sobre um fato que ocorria com frequência na minha infância... minha mãe sempre foi muito boa e amorosa com os filhos,mas tinha uma paciencia muito curta, especialmente comigo... ela sabia educar, mas sabia dar boas surras e estas ficaram marcadas, porém, sem traumas ou ressentimentos. Por conta disso eu nunca tive coragem de dar um tapa em meu filho...eu sempre lembrava a dor que sentia cada vez que minha mãe usava um cordão de ferro de passar roupas e pensava...se eu bater ele vai sentir dor....Porisso amiga é que aprendemos a querer para os que amamos o que não tivemos, a não causar para eles o que causaram para nós...Você decidiu que seria diferente e ...parabéns você conseguiu... o amor triunfou em sua vida, assim como foi comigo e isso não tem preço...
Você me emocionou uma vez quando participei da primeira blogagem coletiva, que por sinal foi da Elaine mesmo e dali surgiu essa grande amizade que hoje existe entre nós e hoje venho aqui e me emociono mais um pouquinho..
Parabéns, seu texto está lindo...
Bjs carinhosos
Márcia

La Sorcière disse...

Olááá!!
Lindo texto querida, e eu simplesmente amo esta música de Caetano =)
Bj

Marliborges disse...

Olá Ivana,
Belo depoimento. Deu pra ver que és uma mulher de decisões, qualidade que admiro muito. Você decidiu que seria diferente e conseguiu! Parabéns. Bjsssssssss

Bel disse...

Ivana, querida

Coisa mais linda é seu texto! E coisa mais linda sua história, que eu nem imaginava ter tido um começo tão doído. Mas lindo mesmo é o que você em fazendo de sua vida a cada dia, ao ponto de ser referência de amizade, de bom humor, e de um olhar positivo para a vida!

Continue assim: LINDA!!!

Beijão!

Mahria disse...

Se olhar amorosamente e nunca desistir dos seus própositos, é com certeza uma dádiva, o melhor de você.


Bjs
Mah

Bia disse...

Pq será que é sempre mais fácil enxergar os defeitos, não é?
É como vc mesmo disse, Ivana, é um exercicio diário, que com um tempo a gnete vai conseguindo ver um pouquinho mais.

bjos

Lúcia Soares disse...

Ivana, você é uma das melhores pessoas que conheço. A Elaine ressaltou uma qualidade, da qual me esqueci de contar: também sou muito observadora, "bato o olho" e consigo captar o essencial da pessoa. Com você foi assim. Você sabe dar um "f...-se" para as adversidades, e Deus lhe colocou lindas pessoas no caminho, para que fosse muito feliz.
De alguma maneira,acredite que seus pais se amaram, sim, ao modo deles. Senão não teriam dado à vida uma criatura doce como você.
Vou amar conhecê-la pessoalmente.
Beijos!

Lidia Ferreira disse...

Parabéns seu texto ficou divino, e pode achar muita gente
bjs

orvalho do ceu disse...

Olá, querida Ivana
Tenha, em primeiro lugar, um excelente dia de festa, com Elaine!
Curta tudinho e sinta-se feliz e abençoada como FILHA MUITO AMADA DE DEUS QUE SOMOS...
Me sinto assim também: amada, perdoada, chamada e enviada...
Um super bj e um carinhoso abraço festivo de paz.

Renata Nogueira disse...

Muito legal Ivana! Adorei!
Beijão
Re

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

Antes de tudo obrigado pelo bom gosto da música!
gostei do seu texto. Realmente precisamos nos lançar um olhar com amor para podermos escrever sobre esse tema. Geralmente nos olhamos para caçar defeitos, nos colocamos diariamente na parede e nos criticamos.

que bom q vc deu a volta por cima, não repetiu as tristes histórias que porventura tenha vivido.

gostei da sua participação.bjs

Elaine Gaspareto disse...

Minha querida,
Que texto bom, profundo, que revela mesmo um intenso olhar para dentro!
Imagino que deva ter doído no começo, mas sei que agora você percebe a vitoriosa que é.
Obrigada por embarcar comigo.
Beijosss

Beth/Lilás disse...

Ivana querida!
Que texto lindo, profundo mesmo!
Eu sei que você tem muito mais qualidades do que isso, posso até elencar algumas, como: delicada, afetuosa, sincera, discreta, amiga, bem humorada, tem bom gosto, gosta de seus bichanos, trabalhadora exemplar ... chiiiii, um monte de coisas.
Te admiro muito, garotinha!
beijos cariocas

Anne disse...

Amei a sua história! Garra, luta e felicidade, bom demais!
Bom te conhecer, seguindo!
Beijos

Luciana Klopper disse...

Lindaaaa sua historia, amo essas blogagens coletiva...

Georgia disse...

Ivana querida, que texto mais sensível, lindo, melancólico, positivo.

Você foi superior em tudo o que te aconteceu. Lembre-se: você é uma mulher forte e especial.

Nao se esqueca, pelo seu caminho você teve uma tia, se nao me engano que te amou com AMOR Profundo e Verdadeiro.

Linda a sua nova foto do perfil.

Um grande beijo

Valéria Russo disse...

ivana...
os guerreiro crescem e lutam, pois foi assim que sobreviveram.
teu texto me emocionou.
bjuivos no coração.
loba.

Bia disse...

É ele sim. :) bjos Mas vc já vi fotos melhores no facebook, enquanto eu ainda tinha... hahaha... ele continua sem quer aparecer. bjos!

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

Obrigado pelo retorno da visita ao blog!
tenha uma boa semana e vamos torcer pra ganhar a blogagem! bjs

Rosamaria disse...

Ivana, amei teu texto e fiquei ainda com mais vontade de conhecer pessoalmente esta pessoinha tão linda. Ainda não deu pra ir, mas espero não demorar muito.
Bjim, cosquirídia.

Ah! Tua casa ficou muito bacana, a foto também.

Katia Bonfadini disse...

Ivana, que texto legal e emocionante! Mesmo conhecendo-a pouco, sinto que é dotada de uma sensibilidade incomum. Seu jeito de escrever é delicioso e são poucos os blogs que me estimulam a ler um texto grande até o final...Você é certamente uma pessoa especial e esse exercício de falar sobre si mesmo também seria difícil pra mim. Sua história me lembra uma pessoa próxima, que não foi muito acarinhada na infância, mas quando cresceu, não repetiu os padrões e soube dar aos filhos todo o carinho do mundo. Parabéns por ser quem você é! Bjs!

Luma Rosa disse...

Conseguiu reverter tudo para o lado bom, não se deixou abater e isto quer dizer que é uma pessoa perseverante e forte!! Em contraponto, te acho super doce e delicada!! Um mix de pessoa, interessante!! Beijus,

Depois dos 25, mas antes do 40! disse...

Bom parar para fazer uma agrado a si mesma. E como você disse, achar as próprias qualidades exige carinho no olhar a nós mesmas. E a sociedade não tem valorizado mais quem se ama, mas sim quem consome, corre e se torna um estranho diante do espelho.

Beijos

Silvana Nunes .'. disse...

Lindo texto. Que bom quando conseguimos reverter os sentimentos, faz bem para a saúde. O negócio é sublimar, não tem jeito mesmo.
FOI DESSE JEITO QUE EU OUVI DIZER... e MEU CADERNO DE POESIAS desejam um bom dia para você.
Saudações Educacionais !

Celia disse...

Muito bonito o que vc escreveu. ´Vc tem razao, é sempre mais fácil ver os defeitos. Porque será???? Bj